Completando 6 meses na Holanda


Há exatos 6 meses, pisei aqui de mala e cuia. Cheguei para ficar.


Tanto foi o que já aprendi e vivenciei neste período, que as vezes soa como 6 anos. Quando tento falar holandês, no entanto, parece que cheguei há não mais de 6 dias!!!


Apesar das dificuldades que ainda enfrento por aqui, é difícil pensar em uma fase da minha vida em que eu fora mais feliz do que agora.


A ideia de viver na Holanda sempre vagou pela minha cabeça. E ainda que eu nunca soube ao certo explicar o porquê, esta era uma de minhas maiores ambições.


Porém, eu já estava com a vida praticamente ganha em São Paulo: tinha meu próprio negócio, meus amigos por perto, casa, carro, moto, pranchas de surf, bicicleta e ainda podia viajar todo final de semana se quisesse.


Mesmo assim, arrisquei. Joguei tudo pro alto e vim em busca de algo que eu nem sabia o que era. E o que eu descobri é que o que eu buscara não era nada concreto, mas a minha paz.


Especialmente hoje, encorajo todos vocês, meus amigos, a irem atrás do que lhes faz sorrir sem motivo, daquele sonho guardado há anos, da sua intuição.


Faça acontecer, dê o primeiro passo, o segundo, terceiro, e não pare mais. Não olhe para trás: vai lá viver!!!


Um abraço apertado e um beijo cheio de saudade, Dida

#vidanaholanda #holanda #vivendoavida #euemeuscachorros #encareseusmedos #vivendosonhos #6meses

Recent Posts

See All

E agora?

Há tempos venho pensando em escrever um texto em português. Chegou a hora: Agora que o blog está censurado, esse espaço volta a ser principalmente meu e o filtro, portanto, menos rigoroso. Sempre escr

35

Elke 12 juni is voor mij mijmerend. Misschien is dát wat verjaardagen bij mensen doen?! In de afgelopen 35 jaar heb ik het weinig gedaan van wat van mij verwacht werd: ik ben wel naar school geweest,